Sinal verde para a educação no trânsito


 O Jornal Folha da Cidade abre um espaço para a comunidade sanar suas dúvidas sobre um assunto de extrema importância para uma convivência mais segura e mais humana,  em um ambiente comum a todos: O TRÂNSITO.

 Semanalmente serão publicadas matérias com assuntos relativos aos direitos e deveres de cada usuário, sejam eles: ciclistas, pedestres, passageiros e/ou condutores de veículos automotores.

 Todos ouvimos a frase: “Aqui ninguém respeita ninguém.”, por isso a importância do conhecimento para que sejam respeitados os direitos e cumpridos os deveres.

 Em várias situações de trânsito nos deparamos com perguntas, como: Quem estava certo? Ou de quem é a razão?

 Falar sobre trânsito exige conhecimento e é isso que o Folha quer, construir o conhecimento junto com a comunidade.

 Segundo Paulo Freire: “Quando unimos a teoria com a prática obtemos a ação criadora e modificadora da realidade.”

 Vamos juntos mudar a realidade das vias de nossa cidade e assim contribuirmos com a segurança viária.

 Os leitores podem enviar suas perguntas e sugestões para o e-mail: flcidade@gmail.com, que serão respondidas por uma equipe de profissionais do CFC Fênix que é parceiro deste projeto, entres outros profissionais da área.

 O tema da primeira matéria pode ser a contribuição de Dom Pedrito para com a  Década de Ações para um Trânsito Seguro, instituída pela ONU de 2011 a 2020, que tem como objetivo reduzir pela metade o número de vítimas fatais em acidentes de trânsito, e também a lei federal 13.614/18, que prevê reduzir pelo menos à metade, em 10 anos, o número de mortes no trânsito em relação a 2018.

 A lei conclama a sociedade e os estados para a elaboração conjunta de um plano de ações - o PNATRANS (Plano Nacional de Redução de Acidentes e Lesões no Trânsito). Considerando índices estatísticos que afirmam que a cada morte no trânsito, 11 pessoas sobrevivem com sequelas irreversíveis. O Cetran/RS realizou audiências públicas em todas às regiões do estado, a última foi em Passo Fundo no dia 05 deste mês, anteriormente outras audiências foram realizadas em Santo Ângelo, Caxias do Sul, Porto Alegre, Pelotas e Santa Maria.

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Em "Comentar como:"
Você pode comentar como "Anônimo"